22.10.07

zZz is playing: Grip !

MOSCA TSÉ-TSÉ

NOME COMUM: Mosca tsé-tsé
NOME CINETÍFICO: Glossina palpalis
NOME EM INGLÊS:
FILO: Arthropoda
CLASSE: Insecta
ORDEM: Diptera
FAMÍLIA: Muscidae
COMPRIMENTO: até 1 cm
CARACTERÍSTICAS: Um sulco na frente da cabeça. Linhas brancas no abdome. Asas transparentes.

O nome da mosca tsé-tsé vem de um dialeto banto da África equatorial. Essa região, banhada pelo rio Congo e seus afluentes, é o coração verde do continente africano. Ali, a umidade favorece o aparecimento de muitos insetos. Há três variedades de tsé-tsé, todas cor de âmbar e com a boca em forma de um tubo delgado. São sugadoras de sangue; transportam tripanossomos, que são parasitas unicelulares do sangue dos animais. Esses protozoários podem infectar vários animais. Cavalos, zebras e jumentos são atacados por uma das espécies. Outra espécie causa no homem a doença do sono.

A tsé-tsé não é a causa dessa doença; apenas a transporta. Na bacia do Congo, que é o seu habitat original, foram desenvolvidos vários tratamentos contra a doença do sono. A tsé-tsé, porém, espalhou-se desde o lado Chade e o Senegal, no oeste, até o lago Vitória, no leste. Como muitos insetos, essa mosca não põe ovos, mas sim as larvas, diferentemente no solo, onde se enterram. Poucas horas depois elas se tornam pupas (forma intermediária entre a larva e o inseto adulto) com duros casulos castanhos. Após seis semanas estão adultas, prontas para carregar os tripanossomos.










1 comment:

Shana said...

bem ainda bem que por aqui só tem dengue e praga!

esperei vocês na exposição, pelo menos vão ver, fica até dia 3

beijos